Espaço Publicitário

Produtor da Cocatrel recebe 5 prêmios em campeonato nacional de cavalos

01/08/2017

Na última semana, aconteceu a 36ª Exposição Nacional do Mangalarga Marchador, em Belo Horizonte. Dentre os milhares de participantes estavam os donos do Haras do Salto, o doutor Fábio Araújo Reis, seu filho Juliano Moreira Reis e seus netos, que conquistaram 5 premiações nacionais.  

 

O troféu mais cobiçado da exposição e conquistado pela família foi o de Pilar da Raça. Prêmio que foi concedido diretamente pela Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador, e entregue pelas mãos do presidente da associação Daniel Borja a apenas dois criadores, entre os 14 mil associados. Além deste título, eles trouxeram para casa os troféus de Campeão Cavalo Senior Maior de Marcha para o Cavalo Quadrado D2; Reservada Campeã Égua Adulta de Marcha para a égua Naja do Salto; 1º prêmio Cavalo Sênior Maior – Categoria e 1º prêmio Cavalo Sênior Maior – Marcha para o Cavalo Modelo do Salto.

 

“São 50 anos apaixonados por cavalos, e essa premiação é um reconhecimento por todo trabalho e cuidado que temos com os animais. Para nós é uma satisfação imensa, poder participar e representar nossa região num campeonato nacional e ainda trazer para casa tantos títulos importantes” ressaltou Doutor Fábio Reis.

 

Quem também é apaixonado por este esporte, é o neto Otávio Reis Neto, segundo ele a família trabalha o ano todo com o foco na exposição nacional. “A gente participa de diversos campeonatos regionais, justamente para ver o que nossos cavalos precisam melhorar e o que já está bom para apresentar na exposição nacional. Participamos do campeonato nacional há vários anos e este, é o terceiro ano consecutivo que conquistamos tantos troféus e ainda tive uma vitória especial, pois entre tantos associados, apenas dois foram escolhidos como Pilares da Raça, e nós somos um deles. Além disso, foi uma oportunidade de reencontrar os amigos do Brasil todo que gostam das mesmas coisas que a gente e trocamos muitas experiências”, concluiu.

 

O evento é organizada pela Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador (ABCCMM). Cerca de 200 mil pessoas estiveram presentes nos 12 dias de evento, que reuniu mais de 1.800 animais e movimentou cerca de R$ 20 milhões com leilões e vendas diretas entre os criadores.

 

O tema da Nacional deste ano foi "O Cavalo do Trabalho e do Lazer". “Queremos dar ênfase a outras características do Mangalarga Marchador. A raça é dócil, boa de sela, obedece aos padrões internacionais e pode ser usada para cavalgadas, lida no campo, passeios e competições de marcha”, afirmou o presidente da ABCCMM Daniel Borja. 

Ele ainda destacou que, no esporte, o Mangalarga Marchador é usado em enduros equestres, provas de maneabilidade, baliza e tambores, dentre outras modalidades. A raça também é muito utilizada para a prática da equoterapia.

 

Please reload

Espaço Publicitário

1/2
Notícias
Please reload

Copyright (c) 2018 COCATREL. Todos os direitos Reservados